quinta-feira, 9 de junho de 2016

Eu não paro

Sou muito mais correnteza do que pedra.


Nenhum comentário:

Postar um comentário