quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

i-limitada

Corpo imóvel, olhos abertos, e tudo o que se tem é o teto.

Mas ele não é o limite; nem mesmo o céu o é.

Se um dia foi, foi só porque disseram e você acreditou.

Com (des)pretensão se (des)cobre isso.



Nenhum comentário:

Postar um comentário